Tudo sobre o INSS

O que é o INSS?

            

O INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) é uma autarquia do governo federal, ou seja, é uma instituição que se auto comanda e possuir certa autonomia para tomar decisões em sua área de atuação.

O INSS tem a função de receber as contribuições para manter a previdência social e garantir os pagamentos das pessoas beneficiárias. Os benefícios disponíveis são: aposentadoria salário-maternidade, pensão por morte, auxílio-doença, auxílio-acidente, auxílio-reclusão e outros.

 

Quanto tempo de contribuição é preciso para se aposentar?

Tudo sobre o INSS

As regras para aposentadoria sofrem alterações ao longo do tempo. Na mais recente reforma, a idade mínima para solicitar a aposentadoria aumentou, ou seja, é necessário que a pessoa atinja uma idade maior para se aposentar.

A idade mínima para se aposentar por idade passou a ser de 62 anos para as mulheres e 65 anos para os homens. Mas, para quem já está perto de se aposentar existe uma regra de transição para essas pessoas. Vamos apresentar um exemplo para que fique mais claro:

 

São cinco tipos de transição em três situações:

 

Até o final de 2021 os homens poderiam dar entrada no processo de aposentadoria a partir dos 62 anos desde que, a idade somada ao tempo de serviço fosse igual ou superior a 98. E, as mulheres a partir dos 57 anos somado ao tempo de serviço 88 ou mais.

Para essas pessoas que irão se aposentar em 2022 a regra de transição já começa a valer. As mulheres precisam ter no mínimo 57 anos e seis meses de idade e 30 anos de contribuição. Já os homens 62 anos e seis meses de idade e 35 anos de contribuição.

Essa soma de pontuação irá subir ano a ano até chegar em 2033 com 105 pontos para os homens e 100 pontos para as mulheres somando tempo de contribuição e idade. Abaixo você confere um gráfico com uma melhor explicação dessas situações.

 

 

Educação financeira hoje

Tudo sobre o INSS

 

 

 

INSS para autônomo

 

O trabalhador autônomo pode pagar INSS?

Sim, o trabalhador autônomo pode ser dirigir a um centro de atendimento do INSS e requerer o pedido para ser contribuinte individual (quando a pessoa não está ligada a uma empresa). A partir daí ele irá pagar a Guia da Previdência Social (GPS) mensalmente. O valor da mensalidade será gerado a partir da renda mensal do trabalhador. Importante destacar que os valores pagos de mensalidade estão diretamente ligados ao valor que a pessoa irá receber na aposentadoria, porém, há um piso que é o salário mínimo e um teto que é atualizado regularmente pelo INSS.

 

Quanto paga um trabalhador de INSS?

Quanto paga um trabalhador de INSS?

O valor do INSS é baseado na renda mensal do trabalhador. Caso a renda mensal seja de até um salário mínimo (R$ 1.045,00) o desconto será de 7,5%. Trabalhadores que possuem uma renda mensal de  R$1.045,01 a R$2.089,60 o desconto será de 9%. Trabalhadores com renda R$2.089,61 a R$3.134,40 será descontado 12%. E os trabalhadores com renda de R$3.134,41 a R$6.101,06 o desconto será de 14%, ou seja, o desconto parte de 7,5% podendo chegar a 14% baseado na renda mensal do trabalhador.

As regras da previdência social sempre estão sendo atualizadas. Dessa forma, sempre confira o site oficial da previdência para se informar sobre quaisquer dúvida que possuir.

Site oficial do INSS

meu.inss.gov.br

Aplicativo oficial do INSS

Meu INSS.

 

Educação Financeira Hoje

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Go to top