Chapeuzinho Vermelho Série Ficção Contos de Fadas Chapeuzinho Vermelho Coleção Conta pra Mim Série Ficção Contos de Fadas A Coleção Conta pra Mim é dedicada à família — mães, pais, filhas, filhos, avós, avôs... Neste livro, vamos mergulhar no mundo mágico dos contos de fadas, com seus mistérios, desafios e conquistas. Contos de fadas são uma ótima forma de estimular a imaginação da criança, ao apresentá-la a um universo em que a coragem, a solidariedade e o perdão são as grandes armas dos heróis. Viajar por esse universo na companhia da família será com certeza uma experiência que vocês guardarão por toda a vida. Sejam todos muito bem-vindos! Infância e leitura — o caminho de uma boa aventura. Autoria: Rosana Mont’Alvernee Ilustrações: Vanessa Alexandre Edição: Marismar Borém Direção geral e curadoria: Wiliam Ferreira da Cunha Supervisão técnica e de conteúdo: Carlos Francisco de Paula Nadalim Revisão de texto: Felipe Salomão Cardoso e Adriana Araújo Figueiredo Publicado em 2020 pelo Ministério da Educação (MEC) em cooperação com a Editora Cora e com a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), no âmbito do Projeto 914BRZ1074 - 914BRZ1074.3 sob o contrato ED00217/2020. © MEC 2020 Dados Internacionais de Catalogação na Publicação (CIP) de acordo com ISBD C462 Chapeuzinho Vermelho [recurso eletrônico] / organizado por Ministério da Educação – MEC ; coordenado por Secretaria de Alfabetização - Sealf. – Brasília, DF : MEC/Sealf, 2020. 16 p. : il. ; PDF ; 15,2 MB. – (Coleção Conta pra Mim) ISBN: 978-65-87026-04-6 (Ebook) 1. Literatura infantil. 2. Conto de fadas. I. Ministério da Educação – MEC. II. Secretaria de Alfabetização - Sealf. III. Título. IV. Série. CDD 028.5 Esta publicação está disponível em acesso livre ao abrigo da licença Atribuição 4.0 Internacional (CC BY 4.0) (https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/deed.pt_BR). Ao utilizar o conteúdo da presente publicação, os usuários aceitam os termos de uso do Repositório de Domínio Público do MEC (http://www.dominiopublico.gov.br/pesquisa/PesquisaObraForm.jsp). 2020-995 CDU 82-93 Elaborado por Vagner Rodolfo da Silva - CRB-8/9410 Índice para catálogo sistemático: 1. Literatura infantil 028.5 2. Literatura infantil 82-93 Era uma vez uma menina chamada Chapeuzinho Vermelho. Um dia sua mãe lhe disse: — Chapeuzinho, leve esta cesta com bolo e doces à casa da vovó, que está doente. Mas tenha cuidado! Não vá pela floresta nem con- verse com desconhecidos! 3 Chapeuzinho prometeu ir pela estradinha que chegava até a casa da vovó. Porém, no caminho, distraiu-se com os bichinhos e, quando se deu conta, estava no meio da flo- resta. 4 Foi então que apareceu o lobo: — Está perdida, menina? — Não, não... Estou indo para a casa da vovó, que está doente. Vou levar bolo e doces para ela. — Ora, vá pelo caminho das flores, menina! É mais curto! — disse o lobo. Chapeuzinho concordou: — Isso mesmo! Assim também poderei colher flores para ela! 5 Mas o caminho das flores era lon- go. O lobo, por sua vez, não perdeu tem- po. Chegou primeiro à casa da vovó e bateu à porta: — Toc! Toc! Toc! — Quem é? — perguntou a vovó. — Sou eu! A Chapeuzinho Vermelho! — respondeu o lobo disfarçando a voz. — É só pegar a chave debaixo do tapete da entrada, querida! O lobo entrou na casa, foi direto para o quar- to e devorou a vovó. 6 Quando Chapeuzinho Vermelho chegou, notou que a porta estava aberta e pensou: “Há algo de errado por aqui.” 7 Ela entrou bem de mansinho, indo até o quarto. E lá estava o lobo, disfarçado de vovó, com a touca na cabeça e debaixo da coberta. 8 Chapeuzinho estranhou: — Oi, vovó! Que orelhas grandes você tem! — São para te ouvir melhor, minha netinha. — Vovó, que olhos grandes você tem! — São para te enxergar melhor, minha netinha. — Vovó, que mãos grandes você tem! — São para te abraçar, minha netinha. — Mas, vovó, que boca enorme é essa? — É para te devorar! 9 O lobo pulou sobre Chapeuzinho e a engoliu. Depois voltou para a cama e dormiu. 10 Um caçador que passava por ali ouviu o lobo a roncar e desconfiou: — Eu conheço a vovó. Ela não ronca tão alto assim. 11 O caçador entrou na casa, viu o lobo roncando na cama e abriu o barrigão enorme do bicho. De lá saíram a vovó e Chapeuzinho: — Ufa! Obrigada! Estava tão escu- ro dentro da barriga do lobo! — disse a menina. 12 O caçador encheu a barriga do lobo com pedras e a costurou bem. Quando o malvado acordou, saiu tropeçando e caiu no rio, para nunca mais voltar. 13 A vovó, Chapeuzinho Vermelho e o caçador ficaram aliviados e felizes. Chapeuzinho então prometeu: — Nunca mais entrarei sozinha na floresta nem darei ouvidos a estranhos! E finalmente os três sentaram-se à mesa e comeram o bolo e os doces que Chapeuzinho Vermelho trouxe em sua cesta. 14 Leitura Dialogada O que é? Conversa entre adultos e crianças antes, durante e depois da leitura em voz alta. Quais são os benefícios? Fortalecer os laços afetivos entre pais e filhos. Contribuir para a alfabetização e reforçar a aprendizagem escolar das crianças. Como praticar? Escolha um momento tranquilo para iniciar a leitura dialogada. Leia com calma. Pronuncie bem as palavras, cuidando com carinho do tom de voz. Deslize o dedo indicador sob as palavras durante a leitura. Nomeie as ilustrações e dê tempo para seu filho apreciá-las. Valorize os comentários de seu filho, explorando outros aspectos das histórias. Ao sair de casa, leve sempre livros para ler com seu filho. Aproveite todas as oportunidades! Literacia Familiar em Dez Pontos 1. Trate seu filho com muito amor e carinho. 2. Converse com seu filho. 3. Valorize e respeite o que seu filho tem a dizer. 4. Leia em voz alta para seu filho. 5. Conte histórias para seu filho. 6. Dê livros de presente para seu filho. 7. Leia e escreva diante de seu filho. 8. Participe da vida escolar de seu filho. 9. Elogie e encoraje seu filho. 10. Tenha altas expectativas em relação a seu filho.

Chapeuzinho Vermelho

LIVRO: Chapeuzinho Vermelho = PDF DOWNLOAD   ... Read more Chapeuzinho Vermelho
Go to top